top of page

Gerenciando uma equipe com problemas de relacionamento

Problemas de relacionamento afetam a qualidade de vida dos colaboradores, a produtividade e segurança da sua equipe e a qualidade dos seus produtos e processos. Por isso, não devem ser ignorados!


Nesse breve artigo, lhes apresento 10 dicas para gerenciar uma equipe com problemas de relacionamento!


Um dos maiores desafios enfrentados por líderes é gerenciar equipes com problemas de relacionamento. Quando os membros de uma equipe não se dão bem, pode ser difícil trabalhar juntos de forma eficaz, o que pode levar a queda na produtividade, aumento do estresse e até mesmo turnover.


Aqui estão 10 dicas para lhes ajudar a gerenciar uma equipe com problemas de relacionamento:


  1. Reconheça o problema. O primeiro passo é reconhecer que existe um problema. Não ignore as brigas, fofocas ou outros sinais de tensão na equipe. Esteja atento aos olhares, detalhes, frases maliciosas e conversas de corredor. Geralmente, as fofoquinhas não acontecem nos escritórios, mas nas áreas adjacentes, como banheiro, corredores, restaurantes e outros. Na indústria automotiva, muitos vestiários tem seu ambiente de áudio monitorados, pois é ali, nas conversas informais, que se iniciam muitas greves.

  2. Fale com as pessoas envolvidas. Converse individualmente com cada pessoa envolvida no problema. Ouça, de coração aberto, seus pontos de vista e tente entender suas perspectivas. Sinceridade e respeito são as bases de qualquer relacionamento, então, seja sincero e respeitoso ao conversar sobre pessoas.

  3. Crie um ambiente seguro. Crie um ambiente seguro e confidencial onde as pessoas possam se sentir confortáveis em compartilhar suas preocupações. Tenha hombridade! Não saia por aí comentando os segredos dos outros com outras pessoas. Isso é feio, indelicado e antiético, principalmente para alguém em posição de liderança.

  4. Faça mediação. Se as pessoas envolvidas não conseguirem resolver o problema por conta própria, ofereça-se para mediar o conflito. Faça o papel de conciliador! Mantenha um tom de voz calmo e seguro e faça com que cada parte perceba o que está perdendo com o conflito no relacionamento.

  5. Estabeleça regras e expectativas. Estabeleça regras e expectativas claras para o comportamento na equipe. Isso ajudará a evitar que os problemas de relacionamento se repitam. Estabelecer limites e padrões de comportamento claros e bem definidos é algo capaz de eliminar 99% dos problemas.

  6. Ofereça treinamento em resolução de conflitos. Treine sua equipe em resolução de conflitos para que eles possam aprender a lidar com problemas de relacionamento de forma eficaz e metódica.

  7. Seja um modelo positivo. Seja um modelo positivo para sua equipe. Demonstre respeito e consideração pelos outros. Aprenda de uma vez por todas: o que você fala, eles ouvem, mas o que você FAZ, eles aprendem e repetem.

  8. Enfatize a importância do trabalho em equipe. Deixe claro que o sucesso da equipe depende do trabalho conjunto de todos os membros. Falar isso já é até clichê! O que você acha de realizar uma dinâmica e mostrar na prática os impactos de se trabalhar em equipe ou individualmente? Na internet tá cheio de exemplos dessas dinâmicas.

  9. Promova a colaboração. Ofereça oportunidades para os membros da equipe trabalharem juntos em projetos e tarefas.

  10. Recompense o comportamento positivo. Reconheça e recompense os membros da equipe que demonstram respeito e consideração pelos outros.


Aqui estão algumas dicas adicionais que podem ser úteis:


  • Faça um brainstorming com a equipe sobre maneiras de melhorar o relacionamento.

  • Ofereça oportunidades para os membros da equipe se conhecerem melhor em um ambiente informal.

  • Adote práticas de gestão de conflitos proativas.


Gerenciar uma equipe com problemas de relacionamento pode ser um desafio, mas é importante lembrar que é possível melhorar a situação com esforço e dedicação.


Boa sorte com seu time!

Eng. Julio Magno Ribeiro


7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page